Planejando uma visita ao Vale do Silício

silicon-valley

Três semanas para conhecer…

Para visitar como turista, basta um dia (Roteiro para uma visita rápida >>). Mas se o seu objetivo é ter uma idéia de como o ecossistema empreendedor funciona, eu recomendo pelo menos 3 semanas (e isso considerando planejamento e preparação antecipada).

Se o seu objetivo é “encontrar uns VCs e pegar um investimento”, saiba desde já que isso não funciona (veja artigo sobre VCs >>).

A logística da viagem…

Os aeroportos de San Francisco (SFO) ou San Jose (SJC) funcionam. Um vôo do Brasil vai normalmente ter uma conexão (Houston, Dallas, Los Angeles, Miami, Chicago, etc) e vai chegar aqui no meio do dia. A passagem custa cerca de USD$1500 (2014).

Aluguel de carro nos EUA é relativamente barato ($150/semana + seguro). Carro não é absolutamente necessário o tempo todo se você ficar bem localizado. Se não puder alugar um carro o tempo todo, considere emprestar ou comprar uma bicicleta e ter um carro alugado pelo menos por alguns dias no final da visita.

Uma noite em um hotel barato é uns $50. Almoçar é uns $10. Jantar é uns $20. Uma cerveja custa $1 no supermercado, $6 no bar.

Pegue um celular pré-pago.

As distâncias são grandes e o sistema de transporte público não tem o alcance com qual você está acostumado em uma cidade grande no Brasil.

Entre Novembro e Março pode fazer frio (zero Celsius nas manhãs mais frias) e você vai precisar de roupa de frio e pode chover. No resto do ano é quente (40C na tarde mais quente do verão) e nunca chove. A umidade do ar é baixa o ano todo, o que significa que a sensação térmica é menos extrema que em São Paulo (zero não é tão frio e 40C não é tão quente quanto você imagina). Depois do pôr-do-sol, a temperatura cai rápido, mesmo no verão.

Mais informação sobre os custos de visitar o Vale >>

Onde ficar?

Algum lugar entre Palo Alto e Mountain View é o ideal. De preferência, perto de alguma estação do Caltrain (linha de trem), principalmente se não for alugar um carro.

Onde ficar depende do seu estilo e dos recursos financeiros. Mas se o seu objetivo é viver empreendedorismo, o melhor é ficar em um lugar onde você conviva com outros empreendedores. Existem vários albergues especializados em receber empreendedores e lugares que oferecem tanto o lugar para ficar como espaço de co-working e programas de imersão (Veja SiliconHouse.us por exemplo, Use Google para encontrar similares a Blackbox.vc).

Onde trabalhar?

Quando não estiver encontrando alguém ou passeando, você pode se sentar em um café (normalmente oferecem free wi-fi). Existem vários espaços de co-working que te oferecem um lugar para trabalhar (mesas, Internet, ambiente onde você vai conviver e interagir com outros empreendedores) por preços surpreendentemente baixos. Um exemplo: Hacker Dojo em Mountain View.

A visita começa antes da visita…

Para tirar proveito da visita, se prepare para ela. Se envolva com a comunidade empreendedora no Brasil, aprenda a linguagem, leia os livros que todo mundo está lendo, fale com empreendedores que já visitaram o Vale. Ative a sua rede de relacionamentos e entre em contato com pessoas aqui (e.g. me siga no Twitter, Facebook). Leia todos os artigos desse blog…

Uma semana antes de chegar (e não antes) faça contato com as pessoas que você conhece ou foi apresentado. Tente marcar um encontro com esses conectores nos primeiros dias da visita (quando contactar essas pessoas, tenha respeito pelo tempo delas: inclua informação e contexto relevantes, inclua links para o seu perfil profissional, diga claramente quais são os objetivos da sua visita). Elas vão te apresentar a pessoas relevantes e te ajudar a organizar o resto da visita.

Procure eventos e reuniões de interesse acontecendo na região (você vai encontrar vários eventos por dia, todo dia). Entre em sites como Meetup e selecione oportunidades de encontrar gente na comunidade local. Veja o calendário da BayBrazil. Na dúvida, apareça. Você sempre vai aprender algo.

Grupos e visitas a empresas

Estando aqui e encontrando as pessoas, vai ser relativamente fácil para você ter oportunidades de visitar as empresas locais. Se visitas a empresas e universidades for prioridade para você ou se você está organizando uma visita para um grupo maior, considere utilizar serviços de organizações oferecendo programas de “imersão” (e.g. BayBrazil, uma entidade que conecta as comunidades profissionais no Vale e no Brazil).

Mais sobre o Vale do Silício

O Silicon Valley cobre a área ao sul da Bahia de San Francisco. O nome vem de Silício, a matéria-prima para os chips que iniciaram a revolução digital, mas hoje e associado a tecnologia em geral. Cobre várias cidades parte da região da “Bay Area”, incluindo San Jose (Cisco), Santa Clara (Intel), Cupertino (Apple), Mountain View (Google), Palo Alto (Facebook), Redwood City (Oracle). No mapa acima, mas ou menos desde San Mateo na península até Fremont no lado leste da Bahia.

O coração do Vale do Silício é a cidade de San José, que tem cerca de 1 milhão de habitantes e fica 70km (uma hora de carro) da mais famosa, mas menor, San Francisco.

Para ver onde estão algumas das empresas de tecnologia que você conhece, veja o mapa interativo em Google Maps com instruções passo-a-passo. Clique em “See Larger Map” abaixo.

Pronto para mudar para cá? Veja como funcionam vistos de imigração >>


antique-squareMarcio Saito foi de São Paulo para a California para ajudar a estabelecer a Cyclades (a primeira empresa brasileira de tecnologia a se estabelecer no Vale) 20 anos atrás e acabou ficando. Hoje participa do ecossistema empreendedor como investidor, conselheiro, mentor, empreendedor. Me conheça.
Anúncios